.:] MWP-OLHAO [:. Comunidade Wireless de Olhão

  • Aumentar o tamanho da fonte
  • Tamanho padrão da fonte
  • Diminuir tamanho da fonte
Perguntas Frequentes

Como me ligo á .:]MWP-OLHAO[:.

Enviar por E-mail Versão para impressão PDF

Para se ligar a .:]MWP-OLHAO[:. basta possuir um dispositivo wireless ( 2.4 GHZ ) e captar o sinal das nossa rede que é composta por os seguintes nós que podemos ver na imagem abaixo.

 

( MWP-OLHAO e MWP-OLHAO|NS|: Node Principal, MWP-OLHAO|NC| e MWP-OLHAO|NN| Node Chasfa, MWP-OLHAO|NZ| e MWP-OLHAO|NI| Node Baixo/Central, MWP-OLHAO|NA| Node Armona. A localização dos nós secundários é a mesmas do que os nós primários no qual é possivel se visualizar na imagem acima )

Para se ligar a nossa comunidade wireless basta apanhar o sinal wireless de qualquer um destes nodes, e efectuar a ligação com a atrinuição automática de endereço de IP ( DHCP -  geralmente esta opção encontra-se activa ), se desejar tornar-se um Cliente Fixo, por favor contacte o Administrador

Actualizado em Sexta, 20 Agosto 2010 17:15
 

Internet de Verão .:]MWP-OLHAO[:.

Enviar por E-mail Versão para impressão PDF

Como é costume  a .:]MWP-OLHAO[:. fornece Internet GRATUITAMENTE nos meses de verão, aqui estão os dados necessários para o uso deste serviço.

Para obter este serviço a funcionar basta ligar-se por DHCP( ip automático), esperar pela a atribuição do ip.

Agora vá ao seu browser perferido  e introduza o endereço que pretende visitar, se tudo correr bem irá ser redirecionado pelo o nosso captive portal para a página de boas vindas.

Nesta página irá ver que se encontra uma "box" em que pode introduzir os seguintes username e password:

Username: olhao

Passsword: wireless

( ter em atenção que as letras são em minúsculo )

Depois clique em "Navegar!"

E pronto já está  :)

O horário de funcionamento é das 08:00 ás 23:50 de 1 de Maio a 30 de Setembro

 

NOTA: Devido ao abuso de downloads por parte de certas pessoas, decidimos bloquear o rapidshare bem como sites ou maneiras de fazer download com um método semelhante.

Actualizado em Sexta, 20 Agosto 2010 15:19
 

Qual é a Legislação aplicada nestas redes ?

Enviar por E-mail Versão para impressão PDF

Informações obtidas através da ANACOM e M.W.Português
 
  -> Todas as entidades (empresas, privados, etc) que pretendam oferecer redes e serviços de comunicações electrónicas, acessíveis ao público, mesmo que recorrendo à utilização de frequências actualmente isentas de licenciamento, devem enviar previamente à ANACOM uma descrição sucinta da rede (indicando o âmbito geográfico de cobertura e a tecnologia a utilizar) ou serviço cuja oferta pretendem iniciar, bem como comunicar a data prevista para o início da actividade. Note-se que as empresas devem revestir a natureza de pessoa colectiva regularmente constituída (por exemplo, sociedades comerciais).
  -> Informamos ainda que as faixas de frequências disponíveis em Portugal para aplicações Wireless são:

          - 2400-2483.5 MHz para RLAN, 5150-5350 MHz;
          - 5470-5725 MHz e 17.1- 17.3 GHz para HIPERLAN;

  -> As estações radioeléctricas que operam nestas faixas estão isentas de licenciamento, devendo a sua utilização estar estritamente de acordo com as especificações que constam do Aviso publicado na 3ª série do Diário da Republica nº 168, de 23 de Julho de 2003.

  -> 2400 - 2483,5 MHz
      Limite máximo de potência: 100 mW p.i.r.e;
      Tipo de antena: integrada ou dedicada;

O valor máximo de densidade espectral de potência para sistemas que utilizam técnicas de espalhamento espectral por sequência directa deve ser limitado a -20 dBW/1 MHz e para sistemas que utilizam técnicas de espalhamento espectral por salto na frequência deve ser limitado a -10 dBW/100 kHz.

Salientamos ainda que as referidas estações devem operar numa base de não interferência e de não protecção relativamente a redes e estações de radiocomunicações licenciadas e que o não cumprimento das condições específicas, bem como a interferência em estações ou redes licenciadas, implica a impossibilidade de funcionamento deste tipo de estações.
  

No que diz respeito à utilização de antenas exteriores, informamos é permitida, desde que respeite as condições técnicas.
  

Por fim relativamente ao local de colocação de equipamentos, informamos que para além das situações óbvias,, não existem limitações desde que sejam instalados no local com a devida autorização dos proprietários.

 

Fonte : " MWP-Vale do Sousa"

Actualizado em Sexta, 20 Agosto 2010 14:54
 

Como funciona uma Rede Wireless ?

Enviar por E-mail Versão para impressão PDF

Wi-Fi (abreviatura para "wireless fidelity") é uma tecnologia de interconexão entre dispositivos sem fio, usando o protocolo IEEE 802.11.

O padrão Wi-Fi opera em faixas de freqüências que não necessitam de licença para instalação e/ou operação. Este fato as torna atrativas. No entanto, para uso comercial no Brasil é necessária licença da Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel).

Para se ter acesso à internet através de rede Wi-Fi deve-se estar no raio de ação de um ponto de acesso (normalmente conhecido por hotspot) ou local público onde opere rede sem fios e usar dispositivo móvel, como computador portátil, Tablet PC ou assistente pessoal digital com capacidade de comunicação sem fio.

Hotspot Wi-Fi existe para estabelecer ponto de acesso para conexão a internet. O ponto de acesso transmite o sinal sem fio numa pequena distância – cerca de 100 metros. Quando um periférico que permite 'wi-fi', como um Pocket PC, encontra um hotspot, o periférico pode na mesma hora conectar na rede sem fio. Muitos hotspots estão localizados em lugares que são acessíveis ao público, como aeroportos, cafés, hotéis e livrarias. Muitas casas e escritórios também têm redes 'Wi-Fi'. Enquanto alguns hotspots são gratuitos, a maioria das redes públicas é suportada por Provedores de Serviços de Internet (Internet Service Provider - ISPs) que cobram uma taxa dos usuários para conectar.

Atualmente praticamente todos os computadores portáteis vêm de fábrica com dispositivos para rede sem fio no padrão Wi-Fi (802.11b, a ou g). O que antes era acessório está se tornando item obrigatório, principalmente devido ao fato da redução do custo de fabricação.

Independent Basic Service Sets (IBSS)

IBSS consiste em um grupo de estações comunicando-se diretamente uma com as outras. Este tipo de topologia também se refere a topologia ad-hoc por ser uma conexão peer-to-peer (ponto-a-ponto).


Basic Service Sets (BSS)

BSS é um grupo de estações comunicando-se entre sí através de um ponto comum de conexão, o Access Point-AP (Ponto de Acesso-PA). Nenhuma estação conversa entre sí sem antes passar pelo PA.

Extended Service Sets (ESS)

Multiplas infra-estruturas de BSS podem ser conectadas através de suas interfaces de uplink e por sua vez está conectado no Distribution System - DS (Centro de Distribuição - CD). Quando temos várias BSS interconectadas via DS, chamamos de ESS.

Principais padrões

Os principais padrões na família IEEE 802.11 são:

IEEE 802.11a: Padrão wi-fi para freqüência 5 GHz com capacidade teórica de 54 Mbps.

IEEE 802.11b: Padrão wi-fi para freqüência 2,4 GHz com capacidade teórica de 11 Mbps. Este padrão utiliza DSSS (Direct Sequency Spread Spectrum – Seqüência Direta de Espalhamento de Espectro) para diminuição de interferência.

IEEE 802.11g: Padrão wi-fi para freqüência 2,4 GHz com capacidade teórica de 54 Mbps.

-Wi-Fi Protected Access (WPA e WPA2): padrão de segurança instituído para substituir padrão WEP (Wired Equivalent Privacy) que possuí falhas graves de segurança, possibilitando que um hacker pudesse quebrar a chave de criptografia após monitorar poucos minutos de comunicação.


Fonte : " Wikipédia "

 

Tipos de Antenas Wireless (Resumo)

Enviar por E-mail Versão para impressão PDF

Tipos de antena Wireless

As antenas wireless dividem-se em quatro categorias gerais:
 
Parabólico ou prato
Yagi
Patch
Sectorial
Antena Omnidirectional

Antena Omnidirectional

Trabalhos omnidirectional de uma antena ingualmente bem em escolher acima dos sinais de cada sentido. Omni faz o uso geral excelente e a antena móvel. Mais longa uma antena omnidirectional é, melhor o desempenho que tenha.

Antena parabólica

Uma antena parabólica dar-lhe-á a escala a mais grande para seu sinal. O trade-off é que são mais difíceis de apontar. Uma antena parabólica é a escolha óbvia para uma instalação wireless reparada Point-to-Point.

Antena de Yagi

Uma antena de Yagi é uma escolha boa para a transmissão do Point-to-Point, ou ponto-à-multipoint onde a antena é tudo do destino próxima junto ou em uma linha reta.
Antena do remendo e antena do setor

Antena Patch

O uso o mais comum dos projetos da antena patch e a sectorial é como a antena do cliente em um sistema broadband wireless do Point-to-Point.

 


Pág. 1 de 2

Tradutor / Translator